Dedicação ao Cristo

A experiência de manter o Cristo, de viver pelo Cristo, vem somente para aqueles que realmente fazem o Contato, que realmente sentem a Presença Divina, e que sabem conscientemente que Ele os está movendo para cá e para lá.

Em nosso estado humano e por nossas ações humanas, nós nunca conhecemos o real propósito por trás dessas ações. Se estamos em sintonia com o Infinito, o Divino tem um meio de nos usar para o seu propósito – não para nos glorificar, ou para mostrar que bons demonstradores da Verdade somos, não para mostrar quão grande é a prática, ou renda, ou posição que podemos alcançar. Este propósito não tem nada a ver com isso. Seu uso deve, de alguma forma mostrar as obras de Deus.

Deixe que o Plano de Deus seja revelado em você, mas nunca tenha seu coração preparado para uma demonstração de que você não está igualmente satisfeito em ver o contrário – “não se faça a minha vontade, mas a Tua”.

Você não vê a necessidade de manter sua Consciência aberta à direção de Deus? De outra forma, nós estaríamos seguindo o mesmo caminho antigo em que estamos há anos e anos. Por que isso? Por que mudamos? Nós não o fizemos. O que aconteceu foi que, em certa medida, nossa Consciência foi aberta à direção divina, provavelmente porque estávamos dispostos a separar períodos determinados a cada dia e todas as noites para sintonizar, para abrir a Consciência, para dizer:

“Pai, entra e assuma”.

Estávamos nos preparando para essa dedicação e consagração que nos permitiria dizer, verdadeiramente, “vivo, não mais eu, mas Cristo vive em mim”. Então, todos os dias, nos dedicaremos mais uma vez: “Pai, aqui estou. Minha mente, minha Alma, meu corpo – todos são teus. Tu os toma. Tu os assume”.

A menos que nos dediquemos e nos consagremos, nunca viveremos mais do que uma existência humana, que começa no nascimento e termina na sepultura. Se adotarmos e abrirmos a Consciência para este modo de vida, logo descobriremos que não estamos vivendo uma vida humana, afinal de contas. Verdade, Vida, Alma, Inteligência – tudo realmente é Deus; sim, até o corpo é o templo do Deus vivo. Nós descobriremos, então, que Deus está usando tudo o que há em nós para o seu propósito.

O principal objetivo em nosso estudo anterior da metafísica era encontrar algum sistema pelo qual pudéssemos aumentar nossa saúde, felicidade e prosperidade. Mas este é um estágio diferente de desenvolvimento, um maior estado de desenvolvimento em que agora dizemos:

“Pai, eu não me preocupo com a minha vida, ou com o meu bolso. Você me usa. Faça-me parte do Plano Divino. Deixe-me encaixar onde eu pertenço no quadro espiritual do Ministério de Cristo”.

Esse é o nosso presente estado de Consciência, se somos verdadeiramente dedicados e consagrados ao Cristo interior. É deixar Deus usar nossos olhos, nossos pés, nosso corpo, nossa alma, nossa mente, para o seu propósito.

Quem pode dizer que precisa haver outra guerra? Por que esses horrores deveriam continuar? Somente porque o mundo está cheio de seres humanos vivendo suas próprias vidas, cada um com a intenção de melhorar sua própria condição financeira. Não podemos condená-los por essa busca pessoal; não podemos criticá-los: eles ainda não entraram no Desenvolvimento Espiritual.Mas podemos ser culpados, se a partir de agora, agirmos dessa maneira.

Podemos realmente ter um propósito próprio agora?

Podemos continuar a sermos dedicados à nossa pequena individualidade pessoal, ou aos pais, esposa, marido ou filhos, exclusivamente?

Como podemos dizer que Deus está se revelando como nossa vida, nossa mente e nosso corpo, e ainda termos a audácia de usar esse Poder Infinito, essa Presença Infinita, apenas para ajustarmos nossos próprios e pequenos assuntos humanos?

Não estamos conscientes da grande verdade da natureza infinita do nosso próprio Ser – da natureza infinita – a natureza espiritual de nossa Mente, Alma e Consciência – de modo que estejamos dispostos a nos dedicar e nos deixar ser usados, a partir de agora, como um ponto focal para o desdobramento do Plano Divino?

Pense nisso.

Joel – Capítulo 10 – O Ministério de Cristo – Dedicação – Livro: Consciência em Desdobramento



Categorias:Assuntos

Tags:, , , ,

2 respostas

  1. ELE tomou TUDO! Fez e faz como quer. Eis me aqui SEMPRE a DISPOSIÇÃO INTEGRAL à VONTADE do ALTÍSSIMO. Somente IMPORTA HONRA-lo! Glória inviolável é a escolha perpétua à dedicação(consagração sincera) ao CRISTO VIVO Ascendido reinando em nós! Eu vivo essa VERDADE SOBERANA CRÍSTICA ONIPOTENTE, e posso testemunhar no EU SOU da INFINITUDE transbordante q não há comparações diante da existência espiritual PRESENCIADA . Agradeço no Subeterno por tanta alegria q recebo da REVELAÇÃO descoberta!!!

    Curtir

  2. REGGIS, IRMÃO E AMIGO AMADO……

    QUE NOSSO NATAL SEJA ETERNO COMO SEMPRE FOI…GRATIDÃO POR SUAS PUBLICAÇÕES, QUE EMBORA SEJAM COM LEGENDAS, DE ALGUMA MANEIRA SÃO MAIS PROFUNDAS, POR PODERMOS SENTIR A PRESENÇA DE JOEL ATRAVÉS DA VOZ……
    [cid:7619219a-cece-4748-8d12-0510d36ac986]

    emilia
    ________________________________

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: