Como Julgar Nosso Progresso Espiritual?

Pergunta: Sei que não não devemos julgar nosso progresso espiritual por nenhum sinal material. Então, pelo que devemos julgar?


Resposta: Bem, por que julgar? Por que julgar afinal? Por que se preocupar mesmo? Enquanto estivermos vivendo de acordo com nosso mais alto padrão de consciência espiritual, estudando ao máximo de nossa capacidade e meditando ao máximo de nossa capacidade, podemos fazer mais do que isso? Claro que não podemos. Portanto, não há como apressar nosso progresso. A única coisa que deve nos perturbar é se tivermos que reconhecer: “Bem, devo admitir que não estou fazendo o melhor que posso ser capaz de”, ou “estou perdendo tempo com coisas que representam um desperdício”. Então, é claro, temos que fazer um ajuste.
Mas quanto ao progresso — tente não julgar isso. Posso dizer com certeza que não há como julgar o progresso de alguém. Você pode hoje ter um sentimento completo de frustração, esterilidade ou insuficiência, e amanhã ser elevado até a nuvem nove (felicidade plena). Você não tem ideia do que está à sua frente daqui a uma hora, ou um dia a partir de agora, ou um mês a partir de agora. Você não tem ideia do seu progresso, e é por esta razão: que assim como na natureza podemos estar observando nossas colheitas, árvores, e arbustos de flores na primavera e não ver um sinal de botão ou folha, e então decidir que não estamos indo bem, e pode ser apenas amanhã que aqueles botões comecem a aparecer, aquelas folhas e flores. E então percebemos que não há como observar o progresso até que ele aconteça.
Quando isso acontece, vimos o progresso. Antes disso, não tínhamos como saber o que era o quê. E assim é conosco.

Testemunhei em minha própria experiência que eu poderia parecer estar a um milhão de milhas de distância da demonstração espiritual, e então, em um piscar de olhos, todo o quadro muda. Testemunhei com curas o que me parecia não ser nenhum progresso, e então, de repente, novamente, em um piscar de olhos, a mudança aconteceu. eu não tenho uma forma de compreender isto. É por isso que em nenhum dos meus livros eu explico isso. Não tenho como entender. Apenas sei que é um fato que, se estou vivendo de acordo com meu conceito mais elevado de princípios espirituais, indubitavelmente há um progresso interior acontecendo.
Provavelmente, a razão pela qual não consigo sentir progresso é que não consigo me sentir espiritual. Eu nunca me senti espiritual. Eu não sei como é se sentir espiritual. Só posso sentir que sou eu mesmo. Se isso é espiritual, faça o melhor. Se não for, eu ainda tenho que fazer o melhor. Mas não sei o que é sentir-se espiritual e, portanto, não tenho como saber se sou mais espiritual um dia do que outro dia, porque ontem não me senti menos ou mais.
Tenho períodos em que me sinto “estéril”. Ah, isso é uma coisa bem diferente. Esse sentimento de esterilidade é sempre um prelúdio para um desdobramento maior. Eu nunca tenho um maior desdobramento de princípios sem que primeiro haja um período de esterilidade, e às vezes um período de esterilidade em que desejo que Deus tome toda a mensagem florescente do Caminho Infinito e a dê a outra pessoa!

Mas contanto que eu possa ser paciente com isso, e às vezes realmente requer mais paciência de Emma do que minha, porque eu posso ficar muito arrogante e dizer: “Eu vou para a cama”, e apenas esconder minha cabeça nos travesseiros, E é isso. O que mais há para fazer? Não posso lutar contra a Prefeitura, então a única coisa que posso fazer é desistir e esperar. E quando eu faço, como regra, algo muito bom acontece.
Aconteceu nessa viagem que eu tive um daqueles períodos em que fiquei com pena de Emma, ​​porque eu realmente não tinha ânimo para nada nem para ninguém e finalmente decidi ir para a cama.
E eu fiquei na cama a tarde toda e a noite e então no meio da noite eu tive a visão. Então eu a acordei e contei a ela sobre isso, e isso fez as pazes com ela.
Mas tente, tente não ficar muito eufórico quando essas grandes revelações espirituais vierem. Alegre-se, sim, sim, sim. Alegre-se, mas não fique muito eufórico porque o sentimento não vai durar. Vai haver um voltando à normalidade e, eventualmente, haverá esterilidade novamente e você terá que lutar contra tudo de novo. Portanto, aprenda a aceitar isso e aprenda a aceitar o fato de que a razão disso é que eu mesmo não sou nada. É somente pela graça de Deus que essas mensagens chegam e, portanto, devo aprender a aceitá-las da maneira que posso aceitá-las, seja qual for a maneira.

Joel – Este trecho é da Gravação 527B: 1963 London Work, Tornando-se servos de Deus



Categorias:Perguntas & Respostas

Tags:, , , ,

3 respostas

  1. Que consolo para mim a leitura de hoje. Abriu a minha mente pra saber que sempre será assim, uma alternância de esterilidade e luz ( novo entendimento ). Gratidão sempre !!!

    Curtido por 1 pessoa

  2. Eu me alegro SIM em poder conhecer indubitavelmente o progresso espiritual acontecendo sem cessar apenas pela GRAÇA! Consciência Onisciente operante q reside no EU SOU em JOEL, deixa claro a magnitude do atuar d DEUS em nós… QDO aceitamos ser apenas servos d FATO! Estando nesse não-julgar(santo dos SANTOS) sem pares d alternâncias d nenhuma ORDEM, tanto faz estar na nuvem da plenitude ou dita esterilidade. *já não se denomina nem isso nem aquilo. Emma sabia quão grande é o ministério do ungido escolhido amigo íntimo JOEL Goldsmith DEUS VERDADE ! AGRADECIDA em amor supremo Regis por registrar aqui tão sagrada EXPERIÊNCIA!!! ALOHA em LIBERDADE….

    Curtido por 1 pessoa

  3. 🌹🌹🌹 AloHa 🌹🌹🌹

    Enviado do meu iPhone

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: